Buscar
  • Tendência Energia

Crise preocupa químicas e papeleiras

A crise hídrica está sendo monitorada de perto pela indústria química e pelos produtores de celulose e papel no Brasil. Mais do que com o risco de escassez da água que é usada no processo produtivo ou de racionamento de energia, que tem sido descartado pelo governo, as empresas estão preocupadas com os efeitos do maior despacho das usinas termelétricas nos custos. A fabricação de papel, cloro-soda, plásticos e tantos outros produtos químicos usa energia de forma intensiva.


Fonte: https://www.canalenergia.com.br/clippings/53179223/crise-preocupa-quimicas-e-papeleiras

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo