Buscar
  • Tendência Energia

Energia solar em Uberlândia é destaque no Brasil e ultrapassa 50 megawatts na geração distribuída

Segundo mapeamento da ABSOLAR, município ocupa primeiro lugar no ranking de cidades brasileiras com maior potência fotovoltaica em telhados e pequenos terrenos


Segundo mapeamento da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR), Uberlândia, em Minas Gerais, acaba de ultrapassar a marca de 50 megawatts (MW) operacionais em geração distribuída a partir da fonte solar. A cidade ocupa a primeira posição no ranking de cidades brasileiras com maior potência fotovoltaica em telhados e pequenos terrenos.


A cidade possui atualmente 3.267 sistemas fotovoltaicos em operação nas residências (81,1%), comércios (15,6%), rural (1,7%), indústrias (1,3%) e prédios públicos (0,3%), que abastecem 3.968 unidades consumidoras. Dentre os municípios de Minas Gerais, Uberlândia é a primeira em potência instalada, seguida por Belo Horizonte, Montes Claros e Governador Valadares.


No estado de Minas Gerais como um todo, a geração distribuída solar fotovoltaica ultrapassou recentemente a marca de 800 megawatts (MW) operacionais em geração distribuída. Na comparação com os demais estados do Brasil, os mineiros ocupam a primeira posição no ranking estadual da geração distribuída solar fotovoltaica.


Ao todo, o território mineiro possui 68.714 sistemas fotovoltaicos em operação no segmento de geração distribuída, presentes em 98% dos municípios do estado. De acordo com a ABSOLAR, Minas Gerais representa 19,5% de toda a potência instalada em geração distribuída solar no Brasil.


De acordo com Rodrigo Sauaia, presidente executivo da ABSOLAR, o Brasil é uma nação solar por natureza. “Mesmo na região sudeste do País, com clima mais ameno, a produtividade da tecnologia fotovoltaica é maior do que em países líderes do setor, como Alemanha, Japão e Reino Unido”, comenta.


“A solar fotovoltaica reduz os custos de energia elétrica da população, aumenta a competitividade de empresas e produtores rurais e desafoga o orçamento do poder público. Nosso País possui condições privilegiadas para se tornar uma liderança mundial no setor”, acrescenta Bruno Catta Preta, coordenador estadual da ABSOLAR em Minas Gerais.


Sobre a ABSOLAR


Fundada em 2013, a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR) congrega empresas e profissionais de toda a cadeia produtiva do setor solar fotovoltaico com atuação no Brasil, tanto nas áreas de geração distribuída quanto de geração centralizada. A ABSOLAR coordena, representa e defende o desenvolvimento do setor e do mercado de energia solar fotovoltaica no Brasil, promovendo e divulgando a utilização desta energia limpa, renovável e sustentável no País e representando o setor fotovoltaico brasileiro internacionalmente.

Fonte: http://folhanoroeste.blogspot.com/2020/12/energia-solar-em-uberlandia-e-destaque.html

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo